De volta aos quinze (Bruna Vieira)

O que você faria se pudesse voltar no tempo?
Será que, ao fazer escolhas diferentes, você conseguiria mudar sua vida para melhor?

Livro: De volta aos quinze
Autor: Bruna Vieira
Editora: Gutenberg
Número de páginas: 224
Ano: 2013
Nota do Skoob: 4
Minha nota: 3,7

FullSizeRender (21).jpg

Sinopse

O que você faria se pudesse voltar no tempo?
Será que, ao fazer escolhas diferentes, você conseguiria mudar sua vida para melhor?

Anita tem 30 anos, e sua vida é muito diferente do que ela sonhou para si. Um dia, ao reencontrar seu primeiro blog, escrito quando tinha 15 anos, algo inusitado acontece, e tudo ao seu redor se transforma de repente. Com cabeça de adulto e corpo de adolescente, ela se vê novamente vivendo as aventuras de uma das épocas mais intensas da vida de qualquer pessoa: o ensino médio. Ao procurar modificar acontecimentos, ela começa a perceber que as consequências de suas atitudes nem sempre são como ela imagina, o que pode ser bem complicado. Em meio a amores impossíveis, amizades desfeitas e atritos familiares, Anita tentará escrever seu próprio final feliz em uma página misteriosa na internet.

Resenha Mundo Sublinhado

Esse é o primeiro livro da série Meu Primeiro Blog, da blogueira Bruna Vieira, do Blog Depois dos quinze.

maxresdefault.jpg

Anita é uma mulher de 30 anos, mora em São Paulo, é formada em administração, trabalha como secretária, mas não está satisfeita com a profissão e não tem uma vida amorosa boa. Ela retorna à cidade natal para o casamento de sua irmã, Luiza, e durante essa viagem, recebe um e-mail de sua amiga Helena com o link de um blog que Anita havia criado há 15 anos.

Ela criou o blog com o intuito de desabafar sobre a nova fase a qual estava vivendo, já que estava estudando em uma escola técnica, no entanto o abandonou só tendo escrito apenas um post.
Ao clicar no link e ler o post, Anita volta no tempo em que havia escrito aquilo e com isso descobre a possibilidade de mudar o passado e, consequentemente, alterar o presente — e arcar com essas modificações.

Inicialmente ela acredita que o propósito dessas viagens é mudar a vida das outras pessoas ao seu redor, entretanto, após algumas viagens, passa a mudar coisas de sua vida. Nessas mudanças, Anita muitas vezes decide seguir o caminho mais fácil, mas quando volta depara-se com um presente muito mais complicado de encarar.

Uma das alterações que ela faz é com o seu melhor amigo, Henrique. Quando descobre que ele já foi apaixonado por ela, mas que agora partiu para outra, ela aproveita essa viagem para mudar algumas coisas em seu favor.

FullSizeRender (19)

Minhas considerações

Esse livro é divertido, leve e a leitura flui muito bem (dá para ler em menos de 3 dias, mesmo se você for bem ocupado). Gostei da escrita da Bruna, mesmo sendo voltada mais para um público infanto-juvenil.

Anita é um tanto “reclamona” e anda muito insatisfeita com algumas coisas de sua vida, e essas atitudes não parecem condizer com a sua idade — trinta anos — que acredito que deveria ser bem mais baixa. As aventuras no tempo dela são repletas de trapalhadas, que fazem rir bastante, e também nos leva a refletir sobre o fato de que qualquer alteração no nosso passado pode mudar completamente o nosso futuro.

O final deixou muitas pontas soltas, mas creio que isso foi proposital, pelo fato de o livro ter continuação. Acredito que teria gostado mais se tivesse lido quando mais nova, ele poderia ter acrescentado mais coisas em minha vida. No entanto, é um livro ótimo para ler levemente e rapidamente. Então se você está nessa vibe, eu super indico!

FullSizeRender (20)

Minhas frases sublinhadas

“Quando você está se sentindo mal há tanto tempo, às vezes nem consegue mais se lembrar dos verdadeiros motivos.” (pág. 15)

“Algumas amizades independem do tempo ou da convivência. Às vezes o que aproxima as pessoas é o simples fato de confiarmos plenamente nelas.” (pág. 25)

“E no final de contas amar é simples: encontrar alguém que realmente se importe” (pág. 111)

“Acho que quando duas pessoas se relacionam por tanto tempo, uma acaba deixando muito de si na outra, principalmente quando elas estão apaixonadas. O amor é a única coisa que consegue atingir nossa alma plenamente. Ele nos faz querer mudar o tempo todo pelo outro.” (pág. 159)

Alguém já leu? O que achou?
Acho bom relembrar que é uma leitura bem infanto juvenil, feito especialmente para esse público, mas se você quiser uma leitura bem leve, ele funciona bem!

beiJU
FullSizeRender (20)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s