OSCAR 2016

E neste domingo será realizada a festa do Oscar. Mesmo que manchada pelas acusações de racismo (não há negros nas categorias principais) e sem o mesmo glamour de outrora, continua sendo a maior e mais influente premiação do cinema.

Este ano sobressaíram-se dois filmes com mais indicações: “O Regresso”, com 12, e “Mad Max – Estrada da Fúria”, com 10. Daí a concluir que serão os maiores premiados, é uma longa história. Lembramos, por exemplo de “Bravura Indômita”, dos Irmãos Coen, com 12 indicações na premiação de 2011 e não levou nada.

Fazendo um comparativo com os termômetros para a corrida pelo Oscar, ou seja, as premiações anteriores, como Globo de Ouro, os Prêmios dos Sindicatos e o Bafta, que acabam mostrando a preferência dos votantes (e muitos deles também votam no Oscar), destacaram-se três indicados: “O Regresso”, “Spotlight” e “A Grande Aposta”. “Mad Max”, por mais que venha sendo apontado como um grande filme de um grande diretor, não vem honrando suas indicações com prêmios, com exceção do “Critic´s Choice” de melhor diretor para George Miller.

Na nossa análise, vamos começar pelas indicações técnicas. Estes prêmios de som e efeitos visuais devem se dividir entre “Mad Max” e “O Regresso”, podendo algum prêmio também cair no colo de “Star Wars – O Despertar da Força”. Estes três filmes dividiram os prêmios do Sindicato de Engenheiros de Som, por exemplo.

Nas categorias de figurino, maquiagem e design de produção “Mad Max” deve vencer, pois o trabalho feito no filme é impressionante.

images (1)

Na trilha sonora, temos duas lendas concorrendo: Ennio Morricone por “Os Oito Odiados” (um dos injustiçados da temporada) e John Williams por “Star Wars – O Despertar da Força”. Em que pese o trabalho de John em adaptar muito bem a sua própria trilha para criar algo novo, que relembrasse em momentos ímpares a saga de George Lucas, o trabalho de Ennio Morricone se destaca como um dos pontos altos do filme de Tarantino. Acreditamos que o veterano Ennio leva essa.

Após esta pincelada nas categorias secundárias, vamos aos prêmios principais, começando por ator e atriz coadjuvante. Entre as mulheres é a maior incógnita hoje, pois pelo menos duas delas tem amplas chances: Kate Winslet por “Steve Jobs” e Alicia Vikander por “A Garota Dinamarquesa”. Kate começou ganhando o Globo de Ouro e o Bafta, mas Vikander levou o SAG, prêmio do Sindicato dos atores. Em nossa opinião, Vikander leva. Ela é a alma do filme, deixando o protagonista, Eddie Redmayne, no chinelo. Sua interpretação da mulher dividida entre apoiar o marido em sua mudança para uma identidade feminina e saber que, ao mesmo tempo, estará perdendo o homem que ama, é fenomenal.

Entre os homens, palmas para a Academia, já que deu a primeira indicação a Tom Hardy, por “O Regresso”. Seu papel como o antagonista do personagem de DiCaprio é assustador. Mas tem poucas chances, já que o prêmio deve ir mesmo para Sylvester Stallone por “Creed – Nascido para Lutar”. Uma justa homenagem a um ícone hollywoodiano.

Já nas categorias de ator e atriz principal, parece barbada. Brie Larson deve ganhar como atriz por seu papel em “O Quarto de Jack”, filmaço de Lenny Abrahamson sobre uma mãe que está há 7 anos trancada em um quarto com seu filho, vivido por Jacob Trambley, que também arrasa. E entre os homens, parece que a vez é de Leonardo DiCaprio, como a figura folclórica de Hugh Glass, em “O Regresso”, uma composição impressionante de personagem, arrebatando todas as críticas e ganhando todos os prêmios na categoria. Será que o Oscar vai querer ser o diferentão?

Quanto a Roteiro, os dois favoritos são “Spotlight” (Original) e “A Grande Aposta” (Adaptado), pois ambos foram os premiados nas respectivas categorias pelo WGA, o Oscar do Sindicato dos Roteiristas. ‘Spotlight” também levou para casa o prêmio do SAG (Sindicato dos Atores) de melhor elenco e “A Grande Aposta” o prêmio de melhor filme do Sindicato dos Produtores (PGA). Devem ficar só com isso mesmo.

Daí surgem as categorias de diretor e filme. Faz tempo que o Oscar não se prende a um mesmo filme ganhando nas duas categorias. Tivemos exemplos recentes de divergências, como no Oscar 2014, onde Alfonso Cuarón ganhou como melhor diretor por “Gravidade”, mas quem levou melhor filme foi “Doze Anos de Escravidão” e 2013, onde Ang Lee ganhou como melhor diretor por “As Aventuras de Pi”, mas o melhor filme foi “Argo”, do Batman Bem Affleck.

oscar 2016 imagem

Mas nossas apostas vão mesmo para “O Regresso”. Os diretores apontados fizeram um trabalho fenomenal, mas aqueles que trouxeram obras únicas e diferenciadas foram realmente George Miller (“Mad Max”) e Alejandro G. Iñárritu (“O Regresso”). Mas apostamos nossas fichas no trabalho fenomenal de Iñárritu, dirigindo o filme e cuidando de todos os aspectos da produção. A academia adora quando um diretor dá a alma para fazer o filme que sempre imaginou. Além disso, ganhou o DGA, ou seja, prêmio do Sindicato dos Diretores, mais o Globo de Ouro e o Bafta.

Da mesma forma, se tivéssemos um tostão para apostar em melhor filme, seria em “O Regresso” também. Todos eles, em maior ou menor proporção, são grandes filmes. Alguns são legais (‘Ponte dos Espiões”, “Perdido em Marte”, “Brooklin”), outros são bons (“O Quarto de Jack”, “A Grande Aposta”, “Spotlight”), mas somente dois são fantásticos: “Mad Max” e “O Regresso”. O segundo, porém, além de ter ganho o Bafta e Globo de Ouro de melhor filme, é o tipo de filme que a Academia adora agraciar. Mas desta vez será mais que merecido.

Oscars_2016_nominations___as_it_happened.jpg

E você? Quais são suas apostas? Divide aí com a gente!!! Vamos esperar que a festa no domingo seja divertida! E estaremos lá, na frente da TV, para acompanhar passo a passo!

Por Marcelo Bastos, @PresepadaGeek

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s