Deixe a neve cair ( John Green, Maureen Johnson e Lhuren Myracle)

Sabe aquelas coisas que acontecem “do nada”? Poisé, na véspera de natal uma grande nevasca separou algumas pessoas que tinham muito o que conversar, fez outras se conhecerem, mas todas queriam apenas aproveitar a noite mais mágica do ano.

Livro: Deixe a neve cair
Autores: John Green, Maureen Johnson e Lhuren Myracle
Editora: Rocco
Ano: 2013
Nº páginas: 336
Nota Skoob: 4.1
Minha nota: 3.7

Sinopse

Na noite de natal, uma inesperada tempestade de neve transforma uma pequena cidade num inusitado refúgio romântico, do tipo que se vê apenas em filmes. Bem , mais ou menos. Porque ficar presa à noite dentro de um trem retido pela nevasca no meio do nada, apostar corrida com os amigos no frio congelante até a lanchonete mais próxima ou lidar sozinha com a tristeza da perda do namorado ideal não seriam momentos considerados românticos para quem espera encontrar o verdadeiro amor. Mas os autores bestsellers John Green , Maureen Johnson e Lauren Myracle revelam a surpreendente magia do Natal nestes três hilários e encantadores contos de amor , inteligados, com direto a romances, aventuras e beijos de tirar o fôlego.

O livro é composto por três contos que se entrelaçam no final.

Resenha Mundo Sublinhado

Sabe aquelas coisas que acontecem “do nada”? Poisé, na véspera de natal uma grande nevasca separou algumas pessoas que tinham muito o que conversar, fez outras se conhecerem, mas todas queriam apenas aproveitar a noite mais mágica do ano.

[O primeiro conto] ‘O expresso Jubileu’, por Maureen Johnson

Jubileu é uma adolescente que esperava comemorar duas coisas com seu namorado: o natal e o aniversário de um ano do casal. Mas quando seus pais – colecionadores fanáticos da Cidade do Papai Noel Flobie (sim, isso mesmo rs) – são presos por causa de uma confusão que ocorreu quando eles estavam na fila para conseguir uma peça para a coleção. Com isso, Jubileu foi forçada a entrar num trem e ir para a casa da sua avó para passar o Natal lá, mas uma nevasca surpreendeu a todos e o trem teve um problema e ficou parado em frente a uma Waffle House. Como se não pudesse piorar, Jubileu teve que aturar líderes de torcida afetadas no trem e no restaurante. Mas tudo muda quando ela conhece Stuart e ele a convida para ir para a casa dele- e ela aceita.

Ele mora com a irmã mais nova e sua mãe, e Jubileu acaba ficando na casa deles durante a noite, simplesmente porque não há outra alternativa. Ela se sentia culpada por estar “abandonando” o namorado, mas ao longo do conto ela percebe que, na verdade, ele não se importa. Ela percebe que tem mais em comum com Stuart do que pensava e uma coisa que a mãe dele diz a faz pensar bastante e faz uma coisa que deixa o conto romântico. O final é bem previsível, mas é fofo do mesmo jeito.

[O segundo conto] ‘O milagre da torcida de natal’ por John Green

Esse conto se passa na mesma cidade do primeiro, e conta a história de três amigos que interrompem uma maratona de filmes na noite antes do Natal para levar um twister até a Waffle House. Eles tomam essa decisão após um amigo ligar para eles avisando que um trem cheio de líderes de torcida empacou em frente a sua loja, e elas estão lá e querem um twister. Os três adolescentes – JP, Duke e Tobin – estão numa corrida contra mais dois grupos que também foram convidados a levar o jogo até o local. A princípio, eles estão com uma vantagem sobre os outros grupos, mas quando o carro deles fica preso num monte de neve (essa parte é bem engraçada) a uma distância razoavelmente grande da lanchonete, as coisas complicam. E os meninos fazem de tudo para chegar a lanchonete.

Esse conto é meio parado, mas no final se torna muito engraçado e eu acabei gostando.

[O terceiro conto do livro] ‘O santo padroeiro dos porcos’ por Lauren Myracle.

Após passar por um término de namoro, Addie está desesperada. Ela está deprimida e passando por uma crise. Após convidar Jeb (seu ex namorado) para encontrá-la no Starbucks e ele não aparecer, ela se desespera e num impulso corta seu cabelo e o pinta de rosa. Depois disso, vai para a casa e fica lamentando por tudo (e tem que lamentar mesmo rs).

Na manhã de Natal, ela chama suas melhores amigas para ter apoio, mas não sai como o esperado. Acaba brigando com elas, porque uma delas acha que Addie só pensa em si mesma, e ao longo do conto outras pessoas (inclusive ela mesma) percebem isso. Mas ela muda, e no final da história ela é uma pessoa bem diferente.

O final é meio inesperado, e gostei da maneira como os ter contos se interlaçaram. No mais, o livro  não foi um dos meus favoritos, foi uma leitura leve e mediana, mas é própria para curar uma ressaca literária, ou para ler no dia em que se comemora o natal, principalmente por ser uma leitura engraçada e nada complicada.

Essa foi a minha dica de leitura para hoje. Este é um livro para você ler em um dia, ou seja, hoje! Rs Espero que tenham gostado da dica de hoje.

Obs.: As fotos deste post são do blog Serendipity, da querida e linda Melina Souza.

Mil beijos,

Laise Caroline

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s