Maze Runner, Correr ou morrer

“Thomas está em uma caixa, quando ele acorda percebe que ela está subindo  e quando chega ao destino vê muitos meninos de aproximadamente a idade dele (ele acredita ter 16 anos) o rodeando, um se aproxima e lhe comprimenta com a frase “Bem-vindo à clareira”. Ele não entende o que está acontecendo pois não se lembra de nada e muito menos sabe o que é a ‘clareira’. ”

Livro: Maze Runner, Correr ou morrer
Autor: James Dashner
Sequencia: 1º de 4 livros livro extra
Nº páginas: 426
Ano: 2010
Editora: Vergana e Riba
Nota Skoob: 4.5
Minha nota: 4

Sinopse

Ao acordar dentro de um escuro elevador em movimento, a única coisa que Thomas consegue lembrar é de seu nome. Sua memória está completamente apagada. Mas ele não está sozinho.
Quando a caixa metálica chega a seu destino e as portas se abrem, Thomas se vê rodeado por garotos que o acolhem e o apresentam à Clareira, um espaço aberto cercado por muros gigantescos. Assim como Thomas, nenhum deles sabe como foi parar ali, nem por quê. Sabem apenas que todas as manhãs as portas de pedra do Labirinto que os cerca se abrem, e, à noite, se fecham. E que a cada trinta dias um novo garoto é entregue pelo elevador. Porém, um fato altera de forma radical a rotina do lugar – chega uma garota, a primeira enviada à Clareira. E mais surpreendente ainda é a mensagem que ela traz consigo.
Thomas será mais importante do que imagina, mas para isso terá de descobrir os sombrios segredos guardados em sua mente e correr, correr muito.

Resenha Mundo Sublinhado e Nosso Livro de Cada Dia

Thomas está em uma caixa, quando ele acorda percebe que ela está subindo  e quando chega ao destino vê muitos meninos de aproximadamente a idade dele (ele acredita ter 16 anos) o rodeando, um se aproxima e lhe comprimenta com a frase “Bem-vindo à clareira”. Ele não entende o que está acontecendo pois não se lembra de nada e muito menos sabe o que é a “clareira”.

Outros garotos já vivem ali a dois anos cercados por um labirinto que é um mistério ainda não resolvido, onde habitam os Verdugos, criaturas assassinas e horrendas.
Thomas tem várias perguntas para fazer, mas os meninos que ali vivem não gostam de perder o tempo que poderiam estar utilizando para desvendar o labirinto com respostas para novatos.

Não existe uma saída aparente. Os mistérios que cercam esse labirinto são muito mais obscuros do que todos ali possam imaginar. A clareira e o labirinto são um completo mistério, sendo que no labirinto só podem entrar os corredores e durante o dia, pois permanecer lá durante a noite é suicídio.

Durante os dois anos que os corredores percorrem o labirinto eles passam o dia e voltam ao entardecer, mas ainda não conseguiram desvendar o mistério.

Thomas será a chave para a descoberta de uma saída para a libertação. Ou para um inferno muito pior.

Minhas considerações, Por Alexia @NossoLivroDeCadaDia

Terminei de ler o primeiro livro da série Maze Runner, nessa semana. E bem… Eu amei. Livro muito bem escrito, apesar das primeiras 100 páginas (tem mais de 400) terem sido um pouco entediantes. A história é bem armada e instiga muito e assim como no filme, eu me assustei bastante em algumas cenas. Tenho que dizer que é uma leitura pesada e um pouco cansativa. Mas que vale muito a pena.

Melhor frases sublinhadas

“Nunca pare de correr. Não pare nunca!”

 Livros da série


Galera, desta vez tive o prazer de fazer a resenha junto com a minha amiga Alexia Dayglee, que também é blogger lá no @NossoLivroDeCadaDia junto com a minha amiga Maria Helena. Foi um prazer, espero que vocês tenham gostado e até a próxima!!

Mil beijos,
Laise Caroline e Alexia Dayglee

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s